sábado, 6 de junho de 2009

Riscos

Sempre fui medroso,
com medo de arriscar
e perder.
Hoje,
com mais idade,
estou disposto a arriscar,
a tentar novos caminhos,
mesmo que eu me perca neles,
do que ficar com a dúvida
eterna no ar.
Será que daria certo?
Busco vida.
Você, deu-me vida
e nem percebeu isto.
Você deu-me
novos caminhos,
novas visões,
novos horizontes.
O teu amor,
e hoje eu o digo com certeza,
torna a minha vida
mais bonita
e a minha alma
mais completa.

Nenhum comentário: