sábado, 21 de março de 2009

Meu coração

Meu coração,
não é mole e nem duro,
não é feito de carne e nem de pedra.
Ele é feito de magias,
de fantasias,
de sentimentos.
Ele é feito de quimeras.
Não consigo carregá-lo sozinho
preciso de alguém
que queira dividir este fardo comigo.
Vem! Vem me ajudar
a carregar este coração meu,
quem sabe se ao lidar com ele
você poderá até se encantar
ao descobrir o que tenho nele guardado.
Vem! Me ajuda nesta tarefa.
É muito para uma pessoa só fazê-lo.
Se carregá-lo sozinho posso deixá-lo cair
e ele irá quebrar,
e todo encanto nele contido
irá se espalhar
e poderá ser levado pelo vento.
Vem, não me deixe só.
Talvez nossas vidas juntas
possam facilitar o transporte dele.
Vem ! Vem logo!
Não me deixe mais só.

Nenhum comentário: