segunda-feira, 4 de agosto de 2008

A mulher que eu amo

A mulher que eu amo tem mil sorrisos
que aquecem e iluminam minha vida.
Tem atitudes que me fazem rir alto como uma criança
e as vezes me fazem chorar como adulto impotente.
A mulher que eu amo é simplesmente demais para mim.
Ela é tudo e muito mais que jamais sonhei,
ou tentei imaginar que seria bom para mim.
A mulher que eu amo,
simplesmente a amo.

Nenhum comentário: