segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Minhas poesias

(em cima de Neruda)


Minhas poesias, nada mais são
do que os relatos escritos das sensações,
emoções e sonhos,
vividas por minha alma.
Na esperança de encontrar
outra alma . . .
disposta a compreendê-las.

Nenhum comentário: