domingo, 30 de setembro de 2012

Reencarnando




Só tendo outra vida,
Para tentar entender.
Porque tanta ferida?
Porque tanto sofrer?

A carga é muito pesada,
Para sozinho se carregar.
Para trilhar esta estrada,
As costas vão sangrar.

Uma parte perdida de mim,
Que não se recupera jamais.
Parece até que é o fim,
Não se quer viver mais.

Depois deste amor viver,
E chorar pela separação.
Só se deseja morrer,
E sossegar o coração.

Sem querer mais sofrer,
Só desejo reencarnar.
Para de novo te conhecer,
E de novo contigo poder sonhar.

Para feliz tentar ser,
Te conquistando todo dia.
E sem você perceber,
Serás minha eterna fantasia.

3 comentários:

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

Há amores que estão destinados para serem vivídos num outro tempo, num outro EU.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

brisonmattos disse...

há amores que não passam de estórias que o povo conta, onde ninguém conhece, ninguém nunca viu.Essa coisa de amor infinito, de almas gêmeas, pode ser muito romântica, mas não é real...mesmo assim gosto de te ler

Denise Santos disse...

Lindo!... sonhos podem virar realidades...

O amor é um menino levado vive brincando com os nossos sentimentos...
Beijos