sexta-feira, 24 de julho de 2009

Perdido de amor

Já perdi a conta
de quantas vezes disse
Te Amo,
e nunca me cansei
de dizer-te.
O meu coração abrigou o teu
de maneira suave,
sem conflitos,
sem imposições.
Você chegou mansamente
e tomou seu lugar,
o lugar que era seu
por toda uma vida
e que empre esteve reservado
esperando você chegar.
Andava perdido de amor
e não o encontrava
até você aparecer.
Agora estou perdido
de tanto amor por você.

Nenhum comentário: