quarta-feira, 13 de maio de 2009

Carência

Desejo colo.
Preciso de carinho.
Preciso de candura.
Não sou guerreiro,
Sou menino,
Preciso descansar.

Não adianta berrar,
Sangrar,
Amar e amar,
Tenho de levar a dor no peito
infinitamente.
Tenho de descansar.

Sobre os meus ombros
tenho todo o tempo a pesar.
Choro inconformado
Ao ver minha vida passar.
Necessito descansar.

Preciso de palavras amenas
Preciso de ternura.
Sou frágil, sou menino.
e preciso de um descanso.
Preciso de um sono,
ou um sonho,
que me refaça.

3 comentários:

Marlene disse...

Este aqui está divinal...mesmo sentido, sofrido necessário. Ah eu coloco no feminino pra mim Amigo! Revelador...forte!
beijos

Perséfone Hades disse...

Quanta sensibilidade!

Muito bom!!!

bjs
Perséfone

Anônimo disse...

Não consigo comentar algo que me faz ficar quieta nos meus pensandos.Nesse momentos só penso no que posso te dizer através da Palavra de Deus e faço dela o Meu sentimento e amor por você...

Salmos 131.1-3 -CALMA EM DEUS
1 Senhor, o meu coração não é soberbo, nem os meus olhos são altivos; não me ocupo de assuntos grandes e maravilhosos demais para mim.2 Pelo contrário, tenho feito acalmar e sossegar a minha alma; qual criança desmamada sobre o seio de sua mãe, qual criança desmamada está a minha alma para comigo.3 Espera, ó Israel, no Senhor, desde agora e para sempre.
Meu amdo e querido amdo seja essa criança que depende exclusivamente Dele. Amo você! Não se senti assim há pessoas que o coração está dilatado por te amar e quere ver você feliz. DeJesus