terça-feira, 28 de abril de 2009

Aos pouquinhos

Te sinto longe,
cada vez mais longe,
parece que a cada minuto
você se vai,
você se esvai de mim.
Se queres ir,
que vá de uma vez
e não aos pouquinhos
aumentando o meu tormentos,
os meus lamentos de ver-te partir assim,
aos pouquinhos.
Deixas estampado
um ciúme em meu peito,
uma dor que dói de jeito,
que bate na cara do sujeito
que se sujeita a te ver assim,
indo aos pouquinhos.
Vá logo, de vez,
E não me olhes mais
Não mais me procures,
Já vai ser muito difícil,
Para mim,
abortar você em mim.

Nenhum comentário: