segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Transformação






Transformar
sentimentos em palavras,
dor em poesia,
Saudade em compasso,
Esperança em magia.
É a sina do poeta.
Mal entendido as vezes,
Compreendido
em algumas poucas,
Criticado em muitas outras.
Esta é a vida de quem escreve.
Pode parecer uma bobagem
Ficar falando de amor, de saudade,
de dor, de  magia e encantamento.
Dedicar ao sol, a lua,
até ao vento, algumas palavras é difícil.
Difícil não é escrever,
difícil é se fazer entender.
Explicar para outros
o que só você está vendo,
Ou sentindo, ou vivendo.
Mas quem escreve
vive este momento,
O seu mundo se transforma em mil.
Vai embora dor,
Fica só o alento.
A vida de quem escreve
É diferente das demais.
Você nem se percebe
E já está escrevendo mais.
É ruim quando esta fonte seca
Parece que o mundo acabou
Nem mais a alma peca
E o corpo não se curou
Transformar....
Poesia em palavras,
Saudade em sentimento.
Amor bandido em balada,
Renascer por um momento.

2 comentários:

brisonmattos disse...

Alguns poucos entendem o poeta sim. E amei a explicação disso, feita poeticamente. rs Bom dia

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

O poeta escreve a alma em cada poema.
Um prazer sempre ler-te.

Um beijinho com carinho
Sonhadora