sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Certeza

Você,
que brinca nos meus sonhos
e está presente sempre
nas coisas que componho,
sabe muito bem
que eu estou em suas mãos,
não como escravo cativo
sofrendo nos porões da solidão,
mas como um ser que se entregou
para a escravidão total
em um mundo de sonhos.
Um poeta já disse certa vez
“Quando o amor bater a sua porta, deixe-o entrar”,
ele chega, se instala e fim.
Não tem o que discutir.
Não adianta lutar contra,
ele sempre será mais forte do que você
ou de seus desejos.
Assim me sinto
sempre com o amor
batendo a minha porta
a cada novo dia,
todos os dias.
A cada novo nascer do sol
tenho a certeza
que terei mais um dia
para te ter sempre comigo,
mesmo que você
não saiba disto.

Nenhum comentário: