sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Cancela

Cancela,
todos os votos que te fiz,
de ser eterno
junto com o meu amor
a ti.

Cancela,
todos os sonhos
e desejos
que depositei
na conta,
do teu coração.

Cancela,
os meus mais puros olhares,
os meus mais meigos gestos,
que deixei repousar
na tua frente.

Cancela.
Todos os passeios
que minhas mãos fariam
em teu corpo,
cancela também.

Cancela,
o escutar palpitante
de meu coração,
só de pensar em te ver.

Cancela,
cancela todas as ousadias,
todas as entregas,
que um dia pensamos
em nos dar.

Cancela tudo,
tudo cancela,
nada mais disto
pertence a nós dois.

4 comentários:

Ava disse...

Bom dia, Older!

Alguns dias meio sumida e vc já quer cancelar tudo? rsrs

Brincadeirinha...


Ficou muito bonito! Quantas vezes me sinto assim... Uma vontade de cancelar tudo... deletar tudo...
Mas a mente é poderosa... Por mais que queiramos esquecar, apagar, cancelar, delatar... os pensamentos estão lá... a nos atormentar...

Deixo-te um beijo e um punhado de saudades....

Márcia Alexandra disse...

Older:
Aceite, por favor, meu singelo presente.
Tem um mimo pra vc lá no meu blog.
bjs

Wanderley Elian Lima disse...

É meu amigo Older, só não tem jeito de cancelar o sentimento, não é mesmo?
Um lindo fim de semana para você
Abração

Luciana P. disse...

Não podia deixar de vir comentar eeses seus lindíssimos versos de hoje, pois já havia visto antes, pelo seguindo, no painel, mas só agora cheguei aqui...
Beleza! Tudo lindo, apesar de nostálgico! Sabia que às vezes a nostalgia se desenha mais bela que a alegria? Tudo depende da ótica que a gente vê no momento...
Prefiro bem mais os meus textos tristes do que os de humor.
E os seus versos de hoje me tocaram fundo!
Obrigada!
Beijos, querido!

Bom final de semana pra ti!