sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Os Quatros




O homem escreveu,
O que o poeta pensou.
Foi a menina que leu,
mas a mulher que se encantou.

O homem que fez,
O poeta que sorriu.
A menina  desfez,
mas foi a mulher que sentiu.

O homem que fala,
O que o poeta sonhou.  
A menina disfarça,
mas foi a mulher que chorou.

O homem implora,
O poeta é quem chora.
A menina namora,
mas é a mulher que consola.

O homem vive,
O poeta morre.
A menina insiste,
mas só a mulher socorre.



Um comentário:

Anônimo disse...

Que poesia mais lindaaaaaaaaa! Só quem viveu essa história entenderia. Será?
Você foi sonho mas também foi inferno...E ouvir essa canção traz de volta toda uma emoção vivida.