terça-feira, 25 de novembro de 2014

Sorte Minha






Dizem que minha musa tem sorte,
o que eu discordo plenamente.
Vou dizer até a morte,
sorte minha eu a ter em mente.

Pois é ela que me acalma,
é ela que me suporta.
Sem ela não teria alma,
seria figura morta.

Ela é quem me ilumina,
é ela quem me  sustenta.
Sem ela não haveria rima,
e nem o coração esquenta.

Então quem tem sorte sou eu,
por a ter guardada no peito.
Foi presente eu Deus me deu,
e este eu não rejeito.

E a ambos agradeço,
por tudo quem tem me dado.
Nem sei se eu mereço,
mas não deixo ficar de lado.

Eu a guardo como posso,
bem junto ao coração.
E este amor que é só nosso,
é  a marca de uma união.

Nenhum comentário: