segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Sou assim

Calo quando deveria falar,
Explodo sem razão.
Falo quando deveria calar,
Me deixo levar só pelo coração.

Me esborracho, me arrebento.
Perco tanta coisa que nem me lembro.
A mente falha.Sou inseguro demais.
Isto só me atrapalha, isso só me desfaz.

Quando gosto de alguém, gosto mesmo,
A ponto de me entregar por completo.
Esqueço de mim, ando a esmo.
Não consigo ficar quieto.

Procuro ser dedicado.
Tento ser integral.
Gosto de cozinhar e escrever,
Mas não é para todo mundo ler.

Sou até por demais ciumento.
Sou carente, quero atenção.
Assim como posso ser só um tormento,
Também posso ser só amor e paixão.

Procuro ser o que sou,
Autêntico no que faço.
Posso ser fogo que pegou
Posso ser só um acaso.

Um comentário:

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Older
Cada um sabe dos seus motivos por isso não vou questioná-lo, só espero e torço para que tudo se resolva e você volte fortalecido.
Se cuide
Grande abraço