quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Meu cantinho

Aqui, neste cantinho arrumado,
Tento relaxar.
Esquecer os problemas que possuo
e os que ainda irão chegar.

Na rede, indo e vindo,
me deixo balançar.
Ao som da água fluindo
E da música que está a tocar.

Fecho meus olhos e penso
Na vida que ai está.
Nos meus amores serenos
E nos filhos a me guiar.

Se neste canto querido,
você quiser descansar,
seja muito bem vindo,
e venha aqui se deitar.

Não me traga problemas,
Deixe-os todo por lá.
Permita que na paz serena,
Recupere o seu caminhar.

Agora já recuperado e fortalecido,
Deixe outro se chegar.
Você sempre será querido,
Neste meu canto de relaxar.

Nenhum comentário: