terça-feira, 5 de outubro de 2010

O que sou?

Sou dono de circo,
Sou vendedor ambulante.
Sou como cachorro arisco,
Sou pássaro avoante.

Sou bolha de sabão
Que sobe, e brinca no ar.
Sou brasa fumegante,
Que queima até cinza virar.

Sou chá de erva-cidreira,
Que acalma de vez em quando.
Sou sem eira nem beira,
Não valho este tanto.

Sou soldado,
Sou coronel.
Sou um ser moldado
Nas mãos do tabaréu.

Sou tijolo,
feito de barro.
Sou consolo
Sou bizarro.

Sou pedra,
sou poder.
Meu nome é Older,
muito prazer.

Nenhum comentário: