segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Os Três.





Minha pequena Fernanda,
Que eu ainda não conheci.
O mundo inteiro se encanta,
Quando você sorri.

De olhar curioso,
Fascinou a dois meninos.
E este amor gostoso,
Virou só mais um mimo.

Entre chopps e baladas,
Os três mundo foi unindo.
E agora não há nada,
Que separe algo tão lindo.

E as três crianças travessas,
Curiosas pelo mundo.
Só vivem batendo cabeça,
Descobrindo tudo a fundo.

Minhas crianças curiosas,
Que no mundo Deus que pôs.
Que vivam em um mar de rosas,
Deixe o ruim para depois.

Vivam este lindo momento,
que não falhe um segundo sequer.
Estarei em pensamento,
Onde os três estiver.


(A uma bela amizade de meus filhos.)

Nenhum comentário: