terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Escrever poemas






Escrever poema é viajar,
Se deixar delirar.
É esquecer como andar
E aprender a voar

È falar de amor,
Como quem fala da dor.
É nas palavra calor,
E escrever com fervor.

É rimar mão,
Com paixão,
Com coração,
mas nunca com não.

É falar de ida.
É sonhar com volta.
É estar de partida,
Sem no peito revolta.

É tentar descrever,
Para alguém ler,
Ou então saber,
Que você não vai morrer.

É falar do que sente,
Sem mágoas na mente.
De maneira envolvente,
Sem ser negligente.

Escrever um poema daqui,
ou então de acolá.
Um soneto que ri,
e também faz chorar.

Escrever é meu dilema,
não tenho como negar.
Escrever um poema,
só me faz alegrar.

Um comentário:

brisonmattos disse...

que assim seja e se sinta sempre no torpor da inspiração...Porque viver pouco é bobagem.