sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Uma Hora






Uma hora na vida,
Se faz esquecida.
A vontade de ida,
O adeus da partida.

Uma hora qualquer,
O amor de mulher.
Se faz de talher,
Para tudo que der .

Uma hora marcada,
Sem rumo, sem nada.
Se cai na estrada,
Com a vida arrasada.

Uma hora que for,
Se testa o amor.
Preenchido de dor,
Por mero sabor.

Uma hora se acha,
Que o tempo não passa.
Um corpo se arrasta,
Na mesma desgraça.

Uma hora, um tempo,
Se faz um lamento.
Com todo tormento,
Da vida, um tempo.


Nenhum comentário: