quinta-feira, 9 de maio de 2013

Tatuagem





A idéia era amar teu nome
Como ultima coisa da vida
Assim como um homem
Assim como causa perdida

Tatuar em meu peito
No coração solitário
Teu nome como efeito
De um amor passionário

Girando nestas palavras
Muita ilusão absurda
Num amor que não se calava
Que gritava para pessoa surda

De tanto que teu nome gritei
Espalhados pelos quatro cantos
Um dia morreu quem amei
E minha vida foi só de prantos

No peito teu nome arde
Pois não consigo apagar
Tatuado com muito alarde
Vou o coração arrancar

No meu mais intimo desejo
O meu nome ao teu sobreponho
E a esta mistura eu elejo
Como o mais belo dos sonhos.

Nenhum comentário: