segunda-feira, 28 de abril de 2014

Nos livros





Os livros sabem de cor,
Os poemas que escrevi.
Poderia ser muito pior,
Não viver o que vivi.

Lembrar do desperdício,
Do pouco tempo deixado.
De usar mil artifícios,
Para poder ficar do teu lado.

Cada encontro uma história,
Cada encontro um prazer.
Estão para sempre na memória,
Que nunca vou esquecer.

Um ao outro seduzindo,
E rindo como crianças.
Os olhos só reluzindo,
Este mundo só de danças.

Nos livros vão escritos,
Um sentimento completo.
Um coração partido,
E um prá sempre afeto.


Um comentário:

Anônimo disse...

Hello to every one, it's actually a good for me
to pay a visit this site, it includes important Information.



my homepage - anabolic cooking scam