quinta-feira, 14 de março de 2013

Se eu pudesse fugir







Se eu pudesse fugir,
Para qualquer lugar.
Eu iria sumir,
Sem pestanejar.

Ia buscar a felicidade,
onde ela estivesse.
Iria curtir a liberdade,
estar para o que viesse.

Me atirar em tudo,
que eu pudesse fazer.
Me jogaria de vez no mundo,
ter a nele enorme prazer.

Me tornaria como vento,
que vai pra qualquer lugar.
Levaria o meu pensamento,
onde pudesse alcançar.

Abraçaria uma causa perdida,
tentando agora ganhar.
Um novo sentido na vida,
e dela poder desfrutar.

se eu pudesse fugir. . .

Um comentário:

mARa disse...

As vezes estamos a todo momento em fuga e nem percebemos.

Letras sentidas.

Abço fraterno!