quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Nova Chance

Um anseio vibra no peito,
Enquanto a tudo espero.
Deitado estou em um leito,
Mas não é isto que quero.

Quero sair daqui,
Viver mais um pouco.
Poder daqui fugir
E correr feito louco.

A frieza da realidade,
É que o corpo agora cobre.
Só buscar felicidade,
Antes que alguém me dobre.

Poder respirar fundo,
Encher o pulmão de ar.
Não ser só um moribundo,
Levar a vida a cantar.

O susto vem de repente,
Não dá mais para correr.
Te cercam, um monte de gente,
Resolvendo o que fazer.

Quando chega a solução,
Só me resta aceitar.
Agüenta coração,
Ainda há muito para enfrentar.

Mas Deus está de olho vivo,
E mais desta me livrou.
Acho que sou querido.
Por quem assim me criou.

Um comentário:

valquiria oliveira calado disse...

Ando distante, mas conservo no coração o carinho aos irmãos.
Peço desculpa por deixar uma mensagem pronta, mas correndo
não daria tempo de visitar a todos.
Antecipo-me e abraçar e desejar bençãos de prosperidade, amor e muita comunhão.
♥FELIZ FESTIVIDADES DE FIM DE ANO!
‎|..|..|..|..|..|..|...★
..|..|..|..|..|..|.★¶¶★
..|..|..|..|..|..|.★¶¶★
..|..|..|..|..|..|★¶¶¶¶★
..|..|..|..|..|.★¶¶¶¶¶¶★
★¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶€¶€¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶★
..|★¶¶¶¶€€€€€€€€€€€€€€¶¶¶¶★
..|..|★¶¶¶¶€€€€€€€€€€¶¶¶¶★
..|..|..|.★¶¶¶¶€€€€€€¶¶¶¶★
..|..|.★¶¶¶¶€€€€€€€€€€¶¶¶¶★
..|.★¶¶¶¶€€€€€€€€€€€€€¶¶¶¶★
★¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶€¶€¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶★
..|..|..|..|..|.★¶¶¶¶¶¶★
..|..|..|..|..|..|★¶¶¶¶★
..|..|..|..|..|..|.★¶¶★
..|..|..|..|..|..|..|.★
..|..|..|..|..|..|..|..|
..|..|..|..|..|..|..|..|
..|..|..|..|..|..|..|..|
..|..|..|..|..|..|..|..|
..|..|..|..|..|..|..|..|
..|..|..|..|..|..|..|..|
..|..|..|..|..|..|..⋱⋮⋰
..|..|..|..|..|..|..⋯★⋯
..|..|..|..|..|..⋱⋮⋰
..|..|..|..|..|..⋯★⋯
..|..|..|..|..⋱⋮⋰
..|..|..|..|..⋯★⋯
..|..|..|..⋱⋮⋰
..|..|..|..⋯★⋯
..|..|..⋱⋮⋰
..|..|..⋯★⋯
..|..⋱⋮⋰
.
Estrela de Natal

Ah, se eu pudesse,
Tocar a estrela mais brilhante
Ainda que fosse a mais distante,
Que em todo o céu resplandece

Se eu a tivesse em minhas mãos agora,
Eu a colocaria no topo da árvore decorada
Para que, alegre, cintilasse na madrugada,
E despertasse satisfeita nos braços da aurora

Se pudesse, sozinha, representar o Natal,
Eu a rechearia de puro amor e eterna paixão,
E se em seus ombros carregasse o perdão
Faria do mundo um lugar especial

Mas hoje eu descobri onde está esse lindo cometa
Que não pode ser nem levemente tocado
Que pelas mãos do Criador foi abençoado
E que vive no mais belo dos planetas

Esta estrela intensa de magia natalina,
Encontra-se bem ao fundo do mais sensível coração
E com o amor que une irmão a irmão
É a mais bela prova de uma graça divina.
Autoria: Helen Bampi