domingo, 21 de abril de 2013

Lembrança Fugaz





Na rapidez do pensamento,
Te encontro outra vez.
Reviver este novo momento,
É viver mais uma vez.

Assim como veio,
Se vai, rapidamente.
Fica o eterno receio,
De não te ver novamente.

Mais viva sempre estás,
Cada vez mais presente.
Como lembrança fugaz,
Passeando em minha mente.

Faço questão de esquecer,
Uma maneira de apagar.
A lembrança de te perder,
E não mais poder te amar.

Minha doce memória,
Não a quero mais esquecer.
Fazes parte da minha história,
Sem ela não sei viver.

Nenhum comentário: