sábado, 21 de fevereiro de 2015

Vai passar




Vai passar,
hoje ou amanhã pode ser.
Você sabe que vai passar,
não dá como permanecer.

Pode ser até que dure,
um pouco tempo mais.
Coração é que se cure,
Coração não é um cais.

E tudo volta a ser como era,
até bem um tempo atrás.
Explode de vez a esfera,
que encerra este algo mais.

Um verão vai chegar,
e com ele vem a chuva.
Vai este  peso carregar,
arrastado pela rua.

E mesmo que a dor insista,
e querer aqui ficar.
Ela não será mais vista,
vai perder o seu lugar.

E pelo sonho é levada,
Logo, logo vai se entregar.
Pelo mundo embalada,
no sol, vento  e mar.

E quando menos perceber,
não vai mais se ver chegar.
Perto deste amanhecer,
que só faz te magoar.

Nenhum comentário: